quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Ahhh... Então isso é o Natal

Estava comentando ainda hoje como fico mais chato a cada dia que passa. Será por isso que sou/era O Chato?


Hoje é Natal. Quando era criança era uma das datas mais esperadas por mim. Toda aquela magia do Papai Noel que me encantava era completamente diferente de tudo que acontecia nas outras datas. Tudo era um sonho. Depois da tão esperada hora 00:00 horas, os presentes surgiam embaixo da árvore e, pronto, meu ano estava feito.


(Cuidado ao ler o próximo parágrafo, grandes revelações)


Depois que você vai ficando velho e descobre que Papai Noel não existe (pois é, não existe), ele (o Natal) vai ficando menos importante. Mesmo ganhando presentes, não é a mesma coisa. É só uma ocasião para ganhar presentes. Pelo menos foi sempre como eu encarei, acho que erroneamente.


Existe toda aquela conotação cristã do Natal que eu deixei de acreditar, afinal, sou ateu. E menos importante foi ficando o Natal. Lembro da época em que eu comemorava o Natal com a família por parte de pai. Passávamos a noite ouvindo histórias da família. Adorava aqueles momentos. Não que não fosse legal com a família por parte de mãe. Eram/são diferentes. Eis que uma boa coisa acontecia nesta data: reunião da família.


Bem, a vida nem sempre é justa e minha avó paterna faleceu. Lembro do primeiro natal sem ela. Meu pai fez o discurso antes da ceia que sempre fazíamos. Todos lá se emocionaram devido à falta que ela fazia, mas ainda estávamos reunidos.


No outro ano, já voltei a comemorar o natal com a família por parte de mãe. O pessoal gostava de confraternizar o Natal e a cear com os vizinhos. É até uma idéia legal. Afinal, dizem que é uma época para confraternização. Contudo, eu não sou lá o tipo de pessoa sociável e tão aberto a pessoas estranhas. Mais uma vez, mais um pedaço do Natal foi perdido – a reunião familiar.


Passei a comemorar a virada da véspera na internet com uns conhecidos um amigo em particular. Fui ficando mais velho e passei a não me importar em ganhar presente ou não. Comecei a perceber que achava o dia de hoje como outro qualquer. Isso nos leva a refletir. Sério mesmo. Como as coisas vão se acabando sem que você perceba. É triste por todos os ângulos que vejo.


Por tudo isso, disse que estou ficando mais chato a cada dia que passa. As coisas vão ficando sem graça e sem sentido para mim. Cada vez fica mais difícil me arrancar um sorriso. Por quê? Eu não queria isso. Acho.


Entretanto, acho que a magia do Natal atuou hoje. Pelo menos um pouco. No momento de distribuir os presentes, meu tio fez uma surpresa aos filhos e conseguiu dar todos os presentes que esses queriam. Foi muito legal. Em um momento, todo mundo do lugar caiu em prantos. Bem, eu não, ninguém muda da água pro vinho assim tão rápido xD. Mas eu gostei de ver o sentimento verdadeiro estampado nos rostos, principalmente, dos meus primos. Foi uma experiência nova.


Além disso, meus pais, que estavam em uma briga, desejaram Feliz Natal um ao outro. É incrível o que essa data faz. Mesmo com todos os problemas, por um momento, tudo é esquecido e as pessoas fazem as pazes.


Acho que recuperei parte das motivações para comemorar o Natal. Estranho como as coisas acontecem sem você esperar. Não direi quais são essas motivações, mas acho que dá para entender, né?


Feliz Natal para vocês, leitores ^^

7 comentários:

A Pscicopata disse...

Olha só o espírito natalino.

A Vilã disse...

Que felicidade!
O Chato foi tocado pelo espírito natalino.

Espero que o acompanhe por muito tempo.

O Lerdo disse...

Oh, My...

=o

Papai Noel não existe? xD
----------
É, Chato... meus Natais também não são lá muito divertidos, mas sempre pode acontecer uma coisa boa, né?

Jujuzita Castro disse...

depois de ler o post do chato (nossa axo q eh a primeira vez q comento um post dele... ele jah escreveu antes?rs) paro pra refletir.. axo q natal nunca teve grandes comemoracoes aki em ksa nao.. a gt sempre come antes d meia noite.. mas comemos juntos.. isso eh importante.. e dps conversamos um pouco...alguem ao acaso comenta "olha.. comecou a missa do galo".. tds nos cumprimentamos... cumprimentamos os vizinhos.. dps vamos dormir.. eh assim todo santo ano... nada demais

se alguem postar sobre o ano novo eu comento como eh meu ano novo =p

feliz natal! =D

O Esquisito disse...

meu natal foi quase exatamente igual o da "jujuzita"
ceiamos com o vizinho + meu cunhado antes da 1/2 noite e alguém falou "olha, já está passando a missa"
ai foram vários "Feliz Natal" e voltamos a comer
hoje, foi o "enterro dos ossos"

tem uma árvore de natal aqui na sala, mas não vejo muito sentido nela
sempre lá, paradona. Nem ligamos as lâmpadas na tomada.

CHiP disse...

Hehehe... realmente, minha participação no blog não é tão frequente. Dessa vez, estava inspirado e saiu tudo em 20 minutos.

Queria postar mais. Minhas série "Vida Universitária" está parada em 1/3 XD

CHiP disse...

minha*